A Sacerdotisa

Eu? Eu não tenho idade
Serei eternamente jovem
mas sinto que desde sempre
fui muito velha

Eu também não tenho um lar
meu corpo é de toda a Terra
e acho que fui forjada
nas estrelas

Eu também não tenho família
Sou irmã de cada galho, pedra, broto
Sou mãe e avó de cada sopro

Eu nem mesmo tenho um amor
faço amor com os pilares do mundo
e entreguei meu coração a chama
do mistério profundo

Nada, eu não tenho mesmo nada…
além da completa vastidão
do universo infinito.

Natália Carvalho     


Mensagens anteriores:
Mensagem inicial