“A Tradição da Deusa é o caminho da Alma Feminina que busca o retorno à sua origem.”

Mirella Faur


As reuniões do grupo serão mensais, no sábado e, excepcionalmente no domingo segundo calendário que será entregue antecipadamente.

As reuniões acontecerão na Unipaz, das 15:30 às 20h.

A contribuição mensal será de 50,00 (cinqüenta reais) e deverá ser efetuada independentemente do comparecimento às reuniões do grupo, honrando assim o compromisso assumido.

Pede-se vestir saias ou vestidos para fazer jus à reafirmação dos valores femininos.

No primeiro ano os seguintes assuntos serão abordados: “Mistérios do Sangue”, conhecimento e uso ritualístico das fases lunares, dos elementos e dos atributos das direções (na tradição celta e xamânica), organização e consagração do altar pessoal e dos objetos de poder, invocações e criação de um ritual específico com o uso dos elementos e energias correspondentes.

Tendo em vista o reduzido número de encontros anuais – 12 reuniões, 12/13 plenilúnios, 08 Sabbats – pede-se que dêem prioridade ao compromisso assumido perante a Deusa e o círculo de irmãs. Desde que não interfira nos conceitos e valores matrifocais ou se sobreponha em atividades e horários, não é impedida a participação em outro caminho espiritual, pois tudo o que visa o fortalecimento e crescimento pessoal e a conexão com a essência divina, irá beneficiar a evolução da aprendiz.

Como bibliografia básica, recomendamos os livros de Mirella Faur: “O Anuário da Grande Mãe (Ed. Gaia) e “O Legado da Deusa: ritos de passagem para mulheres” (Ed. Record).